Apostoli della Divina Misericordia

Sito della Associazione Apostoli della Divina Misericordia con Maria Regina della Pace O.N.L.U.S.

facebook

Apostoli della Divina Misericordia con Maria Regina della pace

DECLARATIO do Santo Padre

 

 


DECLARATIO do Santo Padre

Fratres carissimi Non solum propter tres canonizationes ad hoc Consistorium vos convocavi, sed etiam ut vobis decisionem magni momenti pro Ecclesiae vitae communicem. Conscientia mea iterum atque iterum coram Deo explorata ad cognitionem certam perveni vires meas ingravescente aetate non iam aptas esse ad munus Petrinum aeque administrandum. Bene conscius sum hoc munus secundum suam essentiam spiritualem non solum agendo et loquendo exsequi debere, sed non minus patiendo et orando. Attamen in mundo nostri temporis rapidis mutationibus subiecto et quaestionibus magni ponderis pro vita fidei perturbato ad navem Sancti Petri gubernandam et ad annuntiandum Evangelium etiam vigor quidam corporis et animae necessarius est, qui ultimis mensibus in me modo tali minuitur, ut incapacitatem meam ad ministerium mihi commissum bene administrandum agnoscere debeam. Quapropter bene conscius ponderis huius actus plena libertate declaro me ministerio Episcopi Romae, Successoris Sancti Petri, mihi per manus Cardinalium die 19 aprilis MMV commissum renuntiare ita ut a die 28 februarii MMXIII, hora 29, sedes Romae, sedes Sancti Petri vacet et Conclave ad eligendum novum Summum Pontificem ab his quibus competit convocandum esse. Fratres carissimi, ex toto corde gratias ago vobis pro omni amore et labore, quo mecum pondus ministerii mei portastis et veniam peto pro omnibus defectibus meis. Nunc autem Sanctam Dei Ecclesiam curae Summi eius Pastoris, Domini nostri Iesu Christi confidimus sanctamque eius Matrem Mariam imploramus, ut patribus Cardinalibus in eligendo novo Summo Pontifice materna sua bonitate assistat. Quod ad me attinet etiam in futuro vita orationi dedicata Sanctae Ecclesiae Dei toto ex corde servire velim.

Ex Aedibus Vaticanis, die 10 mensis februarii MMXIII BENEDICTUS PP XVI
[00244-07.01] [Testo originale: Latino]

- Tradução para o Português

Caríssimos Irmãos,
convoquei-vos para este Consistório não só por causa das três canonizações, mas também para vos comunicar uma decisão de grande importância para a vida da Igreja. Depois de ter examinado repetidamente a minha consciência diante de Deus, cheguei à certeza de que as minhas forças, devido à idade avançada, já não são idóneas para exercer adequadamente o ministério petrino. Estou bem consciente de que este ministério, pela sua essência espiritual, deve ser cumprido não só com as obras e com as palavras, mas também e igualmente sofrendo e rezando. Todavia, no mundo de hoje, sujeito a rápidas mudanças e agitado por questões de grande relevância para a vida da fé, para governar a barca de São Pedro e anunciar o Evangelho, é necessário também o vigor quer do corpo quer do espírito; vigor este, que, nos últimos meses, foi diminuindo de tal modo em mim que tenho de reconhecer a minha incapacidade para administrar bem o ministério que me foi confiado. Por isso, bem consciente da gravidade deste acto, com plena liberdade, declaro que renuncio ao ministério de Bispo de Roma, Sucessor de São Pedro, que me foi confiado pela mão dos Cardeais em 19 de Abril de 2005, pelo que, a partir de 28 de Fevereiro de 2013, às 20,00 horas, a sede de Roma, a sede de São Pedro, ficará vacante e deverá ser convocado, por aqueles a quem tal compete, o Conclave para a eleição do novo Sumo Pontífice. Caríssimos Irmãos, verdadeiramente de coração vos agradeço por todo o amor e a fadiga com que carregastes comigo o peso do meu ministério, e peço perdão por todos os meus defeitos. Agora confiemos a Santa Igreja à solicitude do seu Pastor Supremo, Nosso Senhor Jesus Cristo, e peçamos a Maria, sua Mãe Santíssima, que assista, com a sua bondade materna, os Padres Cardeais na eleição do novo Sumo Pontífice. Pelo que me diz respeito, nomeadamente no futuro, quero servir de todo o coração, com uma vida consagrada à oração, a Santa Igreja de Deus.

Vaticano, 10 de Fevereiro de 2013. BENEDICTUS PP XVI
 

 

 

 

 

Recent Articles:

CARTA DE NATAL

CARTA DE NATAL

ROMA - UDIENZA DEL SANTO PADRE

27 Novembre 2013 - Fotogallery

10^ Perla di Luce - VERITA'

10^ Perla di Luce - VERITA'

9^ Perla di Luce - PREGHIERA

9^ Perla di Luce - PREGHIERA

DECLARATIO do Santo Padre

DECLARATIO do Santo Padre
Diretta VideoDiretta Video:
Vedi a tutto schermo »

Messaggi:

Mensagem, 2019.g. 2. maio

“Queridos filhos, Com amor materno os convido para que com o coração puro e aberto, com uma confiança total, respondam ao grande Amor do Meu Filho. Eu conheço a grandeza do Seu Amor. Eu O carregava dentro de Mim como uma hóstia no coração, a luz e o amor do mundo. Filhos Meus, a minha relação com vocês é um sinal do Amor e do Carinho do Pai Celestial , um grande sorriso preenchido de amor do Meu Filho, um convite para a Vida Eterna. O sangue do Meu Filho é derramado por vocês. Este sangue precioso é para a salvação de vocês, para a Vida Eterna. O Pai Celestial criou o homem para uma felicidade eterna. Não é possível que morram aqueles que conhecem o Amor do Meu Filho, aqueles que O seguem. Venceu a Vida. O Meu Filho está vivo. Por isso, filhos Meus, apóstolos do Meu Amor, a oração os indica o caminho e o modo de espalhar o Amor do Meu Filho de forma mais elevada. Filhos Meus, quando vocês tentam viver as palavras do Meu Filho, vocês estão rezando. Quando amam as pessoas que encontram, vocês divulgam o Amor do Meu Filho. O Amor é o que abre a porta do Paraíso. Filhos Meus, desde o começo eu rezava pela Igreja. Por isso, apóstolos do Meu Amor, convido-os para rezarem pela Igreja e pelos seus ministros, por aqueles que receberam o convite do Meu Filho. Obrigada. ”

continua »

Mensagem, 2019.g. 25. abril

“Queridos filhos! Este é um tempo de graça, um tempo de misericórdia para cada um de vocês. Filhinhos, não permitam que o vento de ódio e da inquietação reine sobre vocês e ao seu redor. Vocês, meus filhos, são convidados a serem amor e oração. O diabo quer a inquietação e a desordem, mas vocês, filhinhos, sejam a alegria de Jesus ressuscitado, que morreu e ressuscitou por cada um de vocês. Ele venceu a morte para lhes dar a vida, a vida eterna. Portanto, filhinhos, testemunhem e se orgulhem de serem ressuscitados n’Ele. Obrigado por terem respondido ao meu chamado. ”

continua »
Mensagem, 2019.g. 2. maio “Queridos filhos, Com amor materno os convido para que com o coração puro e aberto, com uma confiança total, respondam ao grande Amor do Meu Filho. Eu conheço a grandeza do Seu Amor. Eu O carregava dentro de Mim como uma...
Mensagem, 2019.g. 2. abril “Queridos filhos, como MÃE que conhece os SEUS filhos, sei vocês desejam o MEU FILHO. EU sei que vocês desejam a VERDADE, a PAZ, aquilo que é puro e não é falso. Por isto EU, como MÃE, através do AMOR DE...
Mensagem, 2019.g. 18. março “Queridos filhos, Como Mãe, como a Rainha da Paz, os convido a acolherem o Meu Filho de modo que Ele possa dar para vocês a paz da alma, a fim de que Ele possa dar para vocês aquilo que é justo, aquilo que é o seu...